Os bowls estão chegando !

2014 foi o ano dos izakaya, os botecos japoneses. Naquele ano ninguém sabia o que era. A publicação de nosso livro “Izakaya: por dentro dos botecos japoneses” (editora Melhoramentos) parece ter despertado a curiosidade de muita gente. Logo começaram a surgir izakayas, fora do reduto do bairro asiático da Liberdade. Izakaya hoje virou uma categoria de estabelecimento. A Comer e Beber Veja São Paulo por exemplo, já configura o izakaya como categoria diferente de restaurantes.

Já 2016 foi o ano do ramen, ou lámen para os brasileiros (“lámen” só aqui no Brasil, porque no resto do mundo, inclusive em Portugal, escreve-se “ramen”). A inauguração do Jojo Ramen deu um upgrade nesta modalidade. Novas casas começaram a surgir seguindo a onda e até grifes japonesas chegaram por aqui.

Rede Yoshinoya: fast food à moda japonesa, conquistando o mundo. foto: divulgação

Em 2018, uma nova tendência começa a mostrar a cara: os donburi, ou os bowls, comidinhas montadas em tigela. No Japão, redes como Matsuya, Sukiya e Yoshinoya, notabilizam-se por oferecer comida boa, barata e rápida, numa tigela de arroz, com um topping que pode ser um lombo empanado (katsudon), um tempura (tendon) ou uma enguia grelhada (unadon). Aqui no Brasil, o movimento ainda é tímido, mas tem tudo para cair no gosto das pessoas que optam por (uma refeição rápida, sem cair nos tentáculos dos fast food industrializados.

Acaba de inaugurar na avenida Paulista, o OIOI  food in bowl (a logo, que guarda semelhança com o OIOI das lojas de departamento Marui, é sugestivo: o O é a tigela vista por cima, e o I é um hashi). Fica dentro de uma galeria, ao lado do Conjunto Nacional, e pertence ao empresário Lúcio Kamimura, que tem mais duas casas de comida rápida (um especializado em carnes e o outro um ótimo por kilo), além de uma loja de vinhos (sim, Lúcio é um expert da bebida), tudo na mesma galeria. Sua esposa, Taïs Isensee, no comando do caixa e atendimento garantem todo o cuidado na prestação do serviço.

No cardápio, apenas cinco itens, todos com preço único de R$ 19,90. 

  • Gyudon: finas fatias de carne bovina, com cebola, em tarê levemente adocicado, sobre arroz.
  • Katsudon: milanesa de porco, com molho acebolado e ovo batido, sobre arroz, com tarê. 
  • Curry Rice: o tradicional curry à moda japonesa, com muitos legumes e carne bovina, sobre arroz.
  • Chicken Shogayaki: sobrecoxa desossada de frango em cubos, temperadacom gengibre, com pimentão, cebola e cebolinha, temperado com shoyu e saquê culinário, sobre arroz.
  • Vegetables Bowl: um mix de cogumelos shiitake e shimeji, legumes e verduras do dia com o mesmo molho do gyudon, levemente adocicado, sobre arroz.

 

A nossa pedida do dia foi o Katsudon, milanesa de porco com ovos, cebolinha, gengibre curtido (essas tiras vermelhas) e alga nori. Foto: Jojoscope

Apesar de estarem ainda em fase de aprimoramento de serviços, o casal de proprietários já comemora algumas conquistas. Em um mês de atividade, já estão servindo mais de cem refeições por dia, numa casa com apenas 9 lugares, funcionando apenas 4 horas somente no almoço. O segredo dos negócios de tíquete médio baixo é a alta rotatividade. O desafio agora é entregar a comida em 2 minutos após o pedido. Apesar de boa parte dos insumos já estarem pré-preparados, a finalização, como a fritura do katsudon, por exemplo, só começa a ser feita após o pedido.

Foto: Jojoscope

Os proprietários acreditam na fórmula e já começam a pensar em expansão, projeto para o ano que vem.

SERVIÇO

OIOI FOOD IN BOWLS
Galeria 2001 Avenida Paulista 2001, sobreloja 45 (Metrô Consolação) São Paulo.
De segunda a sexta, das 11h30 às 15h30 Tel: (11) 3251-2543. Aceita: TR, Sodexo, VR, Alelo e cartões. 

31Shares