Milanesas numa casa de tempurá

Uma luz de sabores, no fundo de uma galeria sombria. Clique em todas as fotos para ampliar.

Pesquisas gastronômicas exigem por vezes, certa coragem. Desta vez, adentramos por um beco dentro de uma obscura galeria, e do lado de um salão de beleza que faz botox capilar e design de sobrancelha, encontramos uma mina de ouro gourmet. O casal Masaomi e Tiyoko Imai oferece exclusivamente uma sequência de verdadeiros tempurá, no melhor estilo tempura-ya do Japão. A delicadeza de suas frituras vai merecer uma matéria futura.

Hoje, fomos conhecer a casa no almoço, e quem comanda o tacho é o filho, Makoto. A especialidade no almoço é outra: milanesa, os famosos katsu. Tem de lombo de porco (tonkatsu), frango, peixe e camarão (R$ 28,00 a R$ 40,00). Todos vêm acompanhados de gohan (arroz branco japonês), tsukemono (conserva de legumes), missoshiru (sopa de missô) e fruta para sobremesa (melancia).

Tonkatsu Teishoku: um lombo à milanesa com casca crocante e sequinha. Esta é a porção para apetites moderados.

Veja sobre a história do tonkatsu aqui.

É possível combinar as milanesas com carê (curry) feito lá mesmo. Neste caso, são R$ 5,00 a mais. Às segundas e quartas, e somente nestes dias, a casa serve também o tendon, arroz com tempurá de camarão e molho adocicado a R$ 35,00.

À esquerda: milanesa de peixe, acompanhado de carê (curry) e salada. Reparem lá atrás o shoyu Kikkoman, presente nas mesas onde se conhece a diferença.

Como a casa é especializada em fritura, ela chega irrepreensível. Casquinha crocante e seca, e úmida por dentro. A porção é pequena, mas suficiente para um almoço. Mas quem opta por uma ogrice, tem a porção jumbo (oomori) para todos os pratos.

A saquê somelière Sonia Yamane e seus sorbets.

Hoje tivemos a agradável companhia da sake sommelière, Sonia Yuki Yamane, que também deu uma importante consultoria para o livro “Izakaya: por dentro dos botecos japoneses”, no prelo, com lançamento previsto para junho deste ano. Sonia nos brindou com um licor feito com saquê e suco de abacaxi, que lembrou um pouco o umeshu, o licor de ameixa japonesa. Servido gelado, revelou-se extremamente refrescante e digestivo. E para completar, dois sorbet feito por ela. Um de limão siciliano com saquê, com raspas da própria casquinha, que proporciona um interessante amargor. E o outro, de suco de laranja puro. Brindamos todos juntos, mamãe Tiyoko e o Makoto san.

Sim. A sensação é de estar em casa, acolhido com delicadeza, num oásis no meio da muvuca de uma avenida mal amada. Nossa próxima visita será para conhecer a sequência de tempuras.

Sorbet de limão siciliano, com as raspinhas da casca. E sorbet de laranja ao natural.

 


TEMPURA TEN
Avenida Brigadeiro Luis Antonio, 2050 loja 23 São Paulo SP (em frente ao Hipermercado Extra)

De segunda a sexta: 12h – 14h e também 19h – 21h / Sábado: 19h – 21h / Domingo e feriados: fechado

Jantar somente com reservas pelo telefone (11) 99622 3582

Só aceita dinheiro.

 

 

0Shares