Miho Nobuzane x Filó Machado: um show imperdível

CLIQUE PARA AMPLIAR

CONCERTO JAZZ PIANO

MIHO NOBUZANE X FILÓ MACHADO

 

Um encontro sagrado de dois monstros do Brazilian-jazz. Um encontro Brasil-Japão, no embalo da música brasileira, com perfume do Japão.

 

A pianista japonesa MIHO NOBUZANE, radicada nos Estados Unidos, encontra-se com o monstro sagrado FILÓ MACHADO, num concerto único, promovido pelo CONSULADO GERAL DO JAPÃO EM SÃO PAULO, Dô Cultural em parceria com o Espaço Cachuera. Participação especial de Felipe Machado, neto de Filó Machado, que já desponta como uma grande revelação da música brasileira e jazzística.

O concerto acontece no dia 15 de Novembro, sábado, a partir das 19 horas, no conceituado Espaço Cachuera, onde gravam importantes nomes da música brasileira.

O show será aberto pelo flautista Shen Ribeiro, que retornou recentemente do Japão, onde se apresentou em um concerto dedicado ao Shakuhachi, a flauta de bambu. Shen é um dos grandes intérpretes deste instrumento e recentemente tocou na Embaixada do Brasil em Tokyo, quando lhe foi outorgado o nome artístico “Kyoumei”, pela Associação Chikumeisha do Japão, fundado por Yamaguchi Shiro.

MIHO NOBUZANE

Miho Nobuzane

 Mora em Nova York, mas sua formação é japonesa. Nasceu em Osaka, e começou a estudar piano clássico com 4 anos. Apesar de ser formada em piano clássico pela Kobe Yamate Woman’s Junior College, Miho foi seduzida pela liberdade do jazz. Em 1996  embarcou para Nova York, com cara e coragem,  e lá ela acabou conhecendo, – quem diria – os ritmos brasileiros. Em 2007 ela mesma produziu seu álbum MAKE YOU HAPPY: Super Grooving Brazilian Jazz. Este CD foi indicado por Saul Savarce um dos Top 10 de 2007 na categoria.  A Jazz Improv Magazine, de março de 2008 dedicou uma resenha, assinada pelo famoso crítico de jazz Clive Griffin, enaltecendo sua entrada triunfal no mundo do jazz, como pianista, compositora e arranjadora.

Consolida sua carreira nos Estados Unidos, como pianista, compositora, cantora e arranjadora. Lançou em 2014, o álbum “Simple Words – Jazz loves Brazil”, com dez composições originais.

Site oficial: Miho Nobuzane www.mihonobuzane.com

 

Veja entrevista exclusiva concedida por Miho para Jojoscope.

FILÓ MACHADO

Filó Machado

Compositor, instrumentista, cantor, arranjador e produtor brasileiro. Iniciou sua carreira profissional desde cedo. Na década de 1980 produziu diversos discos, fazendo turnées com Djavan, Fátima Guedes. Sua primeira atuação internacional foi em 1985, aos Estados Unidos. Em 1989 viajou para a França, onde atuou com Michel Legrand. Desse encontro resultou o CD “Milagre da Canção”, com participação de Michel Legrand, Tetê Espíndola, Johnny Alf entre outros. Sua relação com o Japão é extremamente rica. Gravou o CD “Aracuã”, com a flautista japonesa Yuka Kido, gravado no Pantanal e no Rio de Janeiro. Turnées pelo Japão foram cinco, sendo a última em outubro deste ano.

Site oficial: Filó Machado www.filomachado.com.br

SHEN RIBEIRO

Shen Ribeiro

Shen Ribeiro (Shen Kyomei) é natural de Botucatu. Teve uma educação musical tradicional até 1987, quando partiu para o Japão onde permaneceu por muitos anos. Estudou shakuhachi e ingressou na Universidade de Belas Artes de Tóquio, tendo sido convidado a tocar para o Imperador do Japão. Tem seis CDs gravados, entre eles Brazilian Music for the Shakuhachi, projeto que uniu a flauta tradicional japonesa à música popular brasileira. Retornou ao Brasil em 2003, e  desde então é diretor do Estúdio Salaviva da Associação Cultural Cachuera! Como concertista, vem se apresentando em salas do Brasil, Japão e Europa, interpretando um repertório que mescla temas clássicos, populares e tradicionais. Presidente da Associação Brasileira de Música Clássica Japonesa, recebeu recentemente o título de Mestre Kyomei, da Associação Chikumeisha.

No show, a participação especial de Felipe Machado, de 11 anos, neto de Filó Machado. Veja como ela já nasceu gênio. Aqui ele toca o clássico TAKE FIVE, em versão para dois violões. No show, Miho entra com o piano.

ESPAÇO CACHUERA

A Associação Cultural Cachuera! está instalada num prédio de três andares, onde também funciona o Estúdio Salaviva. O local, batizado de Espaço Cachuera!, foi projetado de forma a priorizar a acústica, a apresentação dos grupos de cultura popular e o acondicionamento adequado de seu acervo. O projeto arquitetônico é da arquiteta Érica Yoshioka e a concepção e tratamento acústicos são de Adalberto Baggio. No andar térreo localiza-se a sala de consulta do Acervo Cachuera! – com acesso ao banco de dados –, a biblioteca, a reserva técnica climatizada, a sala de trabalho e processamento arquivístico do Acervo e as salas de produção e administração.No primeiro andar há um auditório, com capacidade para 80 pessoas, onde ocorrem gravações em áudio e concertos de música erudita.

No subsolo há um auditório em forma de teatro de arena, com capacidade para 100 pessoas. É onde irá acontecer o show de Miho Nobuzane e Filó Machado. Diversos grupos e gêneros musicais já se apresentaram neste auditório – e muitos gravaram ao vivo no local –, que também permite a participação do público nas danças e festejos. Este piso abriga, ainda, uma ilha de edição de vídeo não-linear, uma pequena sala de gravação e a técnica do Estúdio Salaviva.

O Espaço Cachuera fica na Rua Monte Alegre, 1094 (ao lado do TUCA), em São Paulo SP.

Ouça aqui um digest do novo CD  “Simple Words – Jazz loves Brazil, de Miho Nobuzane.

PROGRAMA

1.            Nós e o mar (Menescal / Boscoli) arranjo Filó Machado

2.            Take Five (Paul Desmond) arranjo Filó Machado

3.            Chora tua Tristeza  (Oscar Castro Neves / Luverci Fiorini) arranjo Filó Machado

4.            Jogral  (Filo Machado / Jose Neto / Djavan) arranjo Filó Machado

5.            Amar a Maria (Filo Machado) arranjo Filó Machado

6.            Ponteio  (Edu Lobo)

7.            Samba Dobrado  (Djavan)

8.            Avenida Atlantica  (Miho Nobuzane,  arranjo Miho Nobuzane e Filo Machado)

9.            あなたに出会えた Anata ni Deaeta  (Miho Nobuzane)

10.          Num Corpo Só (Picolé/Arlindo Cruz)

11.          Gentle Convincing (Miho Nobuzane)

12.          Belém (Miho Nobuzane)

  • No bis, uma música folclórica japonesa Kawachi Ondo, da província de Osaka promete esquentar o público. Participação especial de Shen Ribeiro.
  • E para fechar a noite, está prevista a execução de A Rã, clássico da bossa nova, com a participação de todos os músicos e algumas participações surpresa.

Promoção:

CONSULADO GERAL DO JAPÃO em São Paulo | DO CULTURAL | ESPAÇO CACHUERA

Patrocínio:

Kikkoman

Apoio Cultural:

Suntory | Adega de Sake | Sakagura A1

 

SHOW ÚNICO

DIA 15 DE NOVEMBRO, A PARTIR DE 19 HORAS

GRATUITO (sujeitoà lotação da sala, 120 lugares)

ESPAÇO CACHUERA

RUA MONTE ALEGRE 1094 SÃO PAULO SP (DO LADO DO TUCA)

Telefone: 11-3872-8113

Obs.

No dia 16 de Novembro, Miho Nobuzane se apresenta com Martha Reeves, no Auditório Ibirapuera

 

0Shares