A melhor salsicha do Brasil (e talvez do mundo)

Não. Você não encontra esta salsicha em qualquer supermercado. Os Frios Huber são produzidos artesanalmente, desde 1977, em São Bernardo do Campo e consumidos quase que exclusivamente por famílias alemãs de expatriados de empresas instaladas na Grande São Paulo, que querem garantir o abastecimento de um produto essencial para eles. Seu fundador, Osvaldo J. Huber, já aposentado, passou o negócio para um descendente de japoneses, Isamu Hob, que dá prosseguimento à produção dos frios com a mesma qualidade genuinamente alemã, e ainda conta com a consultoria do fundador.

A tradicional salsicha alemã típica, defumada.Daquelas que faz pléc quando morde. Fotos: Jo Takahashi

Devido à produção limitada, o frigorífico não tem ampla distribuição, e o melhor mesmo é reservar um par de horas (para quem é de São Paulo) para ir até lá e ser conquistado definitivamente pela linha de autênticos frios alemães artesanais que a casa oferece. O carro-chefe é sem dúvida, a salsicha Viena defumada (Geräucherte Wiener Würstchen), preparada com coxão duro bovino de pernil suíno em tripa de ovino, que estala na boca na primeira dentada. Mas há mais de trinta variedades de produtos, dentre as quais o bolo de carne bovina (Fleischkäse), que contém incrivelmente, shoyu japonês em sua composição! Aliás, na maioria dos frios entra o Ajinomoto, glutamato monossódico, que é um realçador de sabor natural.

Weisswurst, a salsicha branca, com currywurst

A linha de linguiças também merece destaque. Há a temperada defumada (Debreczinerwurst), feita com um mix de carne bovina e toucinho, e levemente apimentads, em tripa suína; a linguiça Blumenau e a calabresa, esta uma receita italiana.

Combinada com mostarda Dijon é perfeita.

Fizemos uma degustação de frios, e Isamu nos apresentou o currywurst, que é o jeito de comer salsicha com um molho de curry com ketchup, molho inglês e outros condimentos. Uma autêntica comida de rua da Alemanha, que se iniciou no período de devastação após a segunda grande guerra.

A curiosidade é que estas tradições alemãs foram herdadas por um empreendedor nikkey, que dá continuidade ao negócio. Futuramente, ainda é intenção de Isamu abrir um bar.

O senhor Isamu postergou o sonho de ter um bar e se dedica ao fino artesanato de produzir frios alemães.

Veja aqui como são feitos os frios Huber. Programa Dia a Dia da Band.

 Frios Huber

Av. Imperatriz Leopoldina, 540 Bairro Nova Petrópolis – São Bernardo do Campo SP

Tel. (11) 4123-8248 e (11) 4123-7968

www.frioshuber.com.br

 

6Shares