Flutuante: novo projeto em dança de Leticia Sekito

Flutuante é o novo projeto da companhia de dança homônima. Letícia Sekito divide a cena com Priscila Jorge e Alex Ratton.

O espetáculo aborda a sensualidade e o erotismo no corpo. Busca nos aproximar da experiência de prazer e erotismo por meio das sensações de poder usufruir pequenos (que podem se revelar grandes) deleites no nosso dia a dia.

A nova produção se inspira nas gravuras japonesas do período Edo (1603-1868), chamadas “Ukiyo-ê”, que retratam o universo idílico e fantasioso do “Mundo Flutuante”, e usa como referência filmes que se conectam com o tema, como “Utamaru e suas 5 mulheres”, “Duplo suicídio em Amijima”, “O livro de cabeceira”, “Amor à flor da pele”,  “Exótica”, entre outros.

A peça coreográfica é composta por quadros-cenas que sugerem situações de relações íntimas de forma sutil e delicada, ampliando a noção do que pode ser sensual e/ou erótico no momento de encontro entre corpos, pessoas e paisagens.

Flutuante  foi  contemplado  pelo 9º Edital do Programa Municipal de Fomento à Dança da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.  A montagem do espetáculo tem caráter intimista e é direcionada para platéias com um número pequeno de pessoas, seguindo a proposta estética que vem sendo trabalhada pela Companhia Flutuante.

 

INFORMAÇÕES

“Projeto contemplado pelo 9º Edital do Programa Municipal de Fomento à Dança”

Classificação etária: 15 anos.

Duração: 60 minutos

Não será permitida a entrada do público após o início do espetáculo.

 

Ficha Técnica

 

Concepção e direção: Leticia Sekito

Performance: Alex Ratton, Leticia Sekito, Priscila Jorge

Trilha sonora ao vivo: Sandra Ximenez em colaboração com Felipe Jullián

Iluminação: Ligia Chaim

Cenografia: Suiá Burger Ferlauto

Figurino: Fernanda Yamamoto

Preparação Corporal: Alex Ratton,

Ivan Marcos Okuyama Sensei, Leticia Sekito

Orientação teórica e consultoria cinematográfica: Marcela Canizo

Identidade visual e design gráfico: Paula Viana

Produção: Vanessa Lopes – Independente Produção e Arte

Making of: Cynthia Domenico/soma realizações

Fotografia: Inês Corrêa

Cenotecnia: Urso Costa

Assistëncia de figurino: Fábio Martinusso

Assistência de produção: Maíra Silvestre

Agradecimentos: Ana Salles, Artistas da Flow On – mostra virtual de vídeo, Caio Costa, Centro de Estudos Orientais, Christine  Greiner, Jo Takahashi, José João Coelho Barbosa, Leandro Sekito de Freitas, Madalena Hashimoto, Mônica Siedler,  Nirvana Marinho/Acervo Mariposa, Núcleo de Fomento à Dança, Petterson Costa, Roberto Freitas, Rogério Ortiz, Rosa Hércoles e Solução Web.

Realização: Companhia Flutuante

 

 

Companhia Flutuante – www.companhiaflutuante.com

 

Criada e dirigida pela artista de dança contemporânea Letícia Sekito, de São Paulo – capital, a companhia desenvolve criações coreográficas, performances, vídeos-arte e ateliês de criação em dança contemporânea e encontros de improvisação/jam sessions.  Há um interesse artístico em desenvolver trabalhos que envolvam a relação entre corpo e cultura, identidade e hibridismo cultural, como podemos ver na trilogia para solo composta por: “Disseram que eu era japonesa” (CCBB-2004), “E Eu disse:” (Rumos Dança Itaú Cultural 2007) e “O Japão está aqui?” (Exposição Tokyogaqui 2008), na performance “Experimento Portátil – uma ação sob encomenda” (2007/09) e “Instantâneo (2006/10). Recebeu prêmios brasileiros como Bolsa Rede Stagium 97, Proac 2006 e 2009, Rumos Dança Itaú Cultural 2006/07, Funarte Dança 2009 e Fomento  Dança 2010. Companhia convidada da Bienal internacional do Porto Santo de 2011/Portugal. Entre 2004 e 2009, também recebeu apoio cultural da Fundação Japão/São Paulo para dar continuidade ao seu processo artístico.

A Companhia Flutuante foi fundada por Leticia Sekito que assina também sua direção artística. Seja como diretora, coreógrafa ou intérprete, Leticia participa de todas as ações da Flutuante, associando-se a pessoas sintonizadas nas sensações do corpo, do movimento e da dança de forma transdisciplinar. A cada projeto artístico, a companhia incorpora diferentes linguagens e estabelece parcerias com profissionais de diversas áreas na concepção e execução das suas realizações. A Companhia Flutuante se interessa pelo hibridismo cultural e se inspira em elementos estéticos japoneses e no “Mundo Flutuante”,  onde o corpo, o prazer, a fruição do momento e  a imaginação ocupam um espaço significativo nas suas reflexões e produções artísticas a serem compartilhadas no mundo.

0Shares